TEXTO – VOCÊ E AS CORES

Era uma rua com muitas cores e pessoas agitadas. Todos em minha volta estavam dançando alegremente. De longe dava para ouvir risadas e  gritos animados. O sol do meio dia atingia os glitters espalhados pelo ar, fazendo parecer uma chuva de brilho. Roupas coloridas e uma energia sem igual predominava no ambiente completando o cenário. Era simplesmente incrível.

Eu me mantinha no meio daquela rua observando a festa com o sorriso no rosto. Tinha medo de me mexer e acabar com aquele momento incrível.

Depois de alguns segundos admirando tudo aquilo um caminho a minha frente se abriu e isso me prendeu a atenção. No final da rua eu via um homem vindo em minha direção e foi nesse momento que o barulho foi diminuindo, parecia até que alguém estava controlando o ambiente com se fosse uma caixinha de música, mas o mais estranho é que a animação continuava, só que sem som.

Ele se aproximava devagar e depois de alguns segundos puder ver que a pessoa no fim da rua era VOCÊ. Confusa, me mantive com os olhos fixo em você. Você andava em minha direção, com os olhos focados em meu rosto. Agora já era pouco metros que nos mantinham distantes e a cada passo seu essa distancia diminuía até o momento que eu já conseguia sentir seu calor e depois sua respiração. Com os olhares conectados um no outro, ficamos em silêncio. Vi você se mexer e sua mão vir em direção ao meu rosto. Eu aguardava aquele toque já fazia muito tempo. Cada vez sua mão estava mais perto de mim, tudo aquilo parecia uma eternidade, mas quanto eu pude sentir o seu toque quente em minha pele corada tudo se escureceu.

Mais uma vez acordo frustada. Olho o relógio e não passava das 4 da manhã. Me jogo em meu travesseiro fofo e encaro o teto. Ultimamente meus sonhos andam me trazendo mais problemas do que meus dias silenciosos e sem graça. Três noites seguidas sonhando com a mesma pessoa não deve ser normal, mas o que mais intriga é querer saber se isso também acontece com você. Pois para mim, já é algo comum.

 Por Agnes Rieger

 

Deixe uma resposta